Página Inicial

Menu de Ajuda

Menu Principal

Detalhe da UFCD

6289 - Modo de produção integrado
(*) Em Vigor
Designação da UFCD:
Modo de produção integrado
Código:
6289
Carga Horária:
50 horas
Pontos de crédito:
4,50
Objetivos

  • Identificar os objetivos e princípios da Proteção Integrada (PI) e do modo de Produção Integrado (MPI) - componente vegetal e animal.
  • Identificar a legislação específica de enquadramento e regulamentação da PI e do MPI.
    • as normas de utilização sustentável de produtos fitofarmacêuticos (PF).
  • Reconhecer as componentes de PI.
  • Reconhecer as técnicas de MPI e as operações de produção para componente vegetal e animal.
  • Interpretar os registos de um caderno de campo com vista à tomada e decisão.
Recursos Didáticos

Conteúdos

  • Proteção Integrada (PI) e modo de produção integrado (MPI)
    • Evolução da proteção das plantas
    • Definição, objetivos e princípios de PI
    • Definição, objetivos e princípios de MPI - componente vegetal e animal
    • Prática de PI e MPI em Portugal - componente vegetal e animal
  • Legislação específica
    • Enquadramento legal da PI e de MPI
    • Caderno de campo e outros registos em MPI
    • Plano de exploração
    • Controlo e certificação
  • Aplicação de produtos fitofarmacêuticos (PF)
    • Enquadramento legal relativo aos PF
    • PF - definição, classificação, toxicidade e ecotoxicidade, produtos autorizados em PI
    • Máquinas de aplicação - tipos, características e seleção
    • Equipamento de proteção individual
    • Técnicas de aplicação de PF
    • Cálculo da quantidade de produto a aplicar
    • Redução dos riscos para o consumidor, para o ambiente, para as espécies e os organismos não visados e para o aplicador, na aplicação, manuseamento e armazenamento de PF
  • Proteção Integrada
    • Meios de luta disponíveis - luta cultural, biológica, genética, biotécnica e química (inseticidas, acaricidas, fungicidas e outros)
    • Fauna auxiliar - Bioecologia dos grupos mais importantes, Métodos de quantificação e utilização de auxiliares; Efeitos secundários dos PF; Medidas de fomento da biodiversidade
    • Registos no Caderno de Campo em PI
  • Técnicas de MPI da componente vegetal
    • Plano de exploração - diagnóstico e estratégia de produção
    • Conservação do solo - trabalho mecânico, processo de mobilização, épocas, drenagem
    • Conservação da fertilidade do solo, ciclo de nutrientes e nutrição das culturas
    • Conservação da água - dinâmica da água no solo, necessidades em água, métodos de rega, qualidade da água
    • Colheita de amostras para análise - terra, plantas, água de rega, efluentes da pecuária, outros corretivos orgânicos e lamas de depuração
    • Estratégia de fertilização - fertilizantes e quantidades a aplicar, época e forma de aplicação
    • Rotações, sucessões, afolhamentos e seleção de culturas
    • Sementeira - época, seleção de variedades, preparação da semente, preparação da cama, densidade, profundidade e compasso
    • Proteção integrada
      • - Inimigos das culturas - pragas doenças e infestantes
      • - Estimativa de risco (ER) e níveis económicos de ataque (NEA)
      • - Meios de luta a utilizar diretos e indiretos
      • - Luta química - PF permitidos em PI (critérios adotados na seleção de PF e substâncias ativas e respetivos produtos comerciais permitidos).
      • - Efeitos secundários das substâncias ativas e dos respetivos PF
      • - Guia de proteção integrada das culturas
      • - Máquinas de aplicação de PF - Inspeção e calibração
      • - Operações de proteção das culturas - culturais, biológicas, biotécnicas e químicas.
  • Técnicas de MPI da componente animal
    • Maneio alimentar e dos animais
    • Maneio reprodutivo
    • Maneio higio-sanitário
    • Maneio produtivo
    • Proteção e bem-estar animal
    • Gestão de efluentes pecuários
  • Colheita, armazenamento e conservação de produtos de origem vegetal
    • Determinação da época e do momento de colheita
    • Máquinas e operações de colheita
  • Controlo e certificação de produtos de origem vegetal e animal
    • Controlo e certificação de produtos
    • Produção de qualidade e segurança alimentar
  • Caderno de campo
    • Interpretação dos registos – tomada de decisão
  • Boas práticas de segurança, higiene e saúde no trabalho
Referenciais de Formação

Histórico de Alterações

2010-01-15   Criação de UFCD.
Informação

Designação da UFCD:
Proteção integrada e produção integrada
Código:
6289
Carga Horária:
25
Pontos de crédito:
2,25
Objetivos

  • Identificar o Método de Proteção Integrada e o Modo de Produção Integrada.
  • Identificar a legislação específica de enquadramento da Proteção Integrada e da Produção Integrada.
  • Reconhecer os meios de luta disponíveis em Proteção Integrada.
  • Identificar a Boa Prática Agrícola na aplicação de produtos fitofarmacêuticos.
  • Reconhecer as técnicas de Produção Integrada.
Bibliografia

Conteúdos

  • Definição de Proteção Integrada e de Produção Integrada
  • Fases de evolução da Proteção Integrada e da Produção Integrada
  • Enquadramento legal da proteção das plantas
    • Legislação específica
    • Lista de produtos fitofarmacêuticos aconselhados em Proteção Integrada
    • Caderno de campo de Proteção Integrada e de Produção Integrada
    • Plano de produção (normas)
  • Prática da Proteção Integrada e da Produção Integrada em Portugal
  • Técnicas de Proteção Integrada
    • Estimativa de risco
    • Nível económico de ataque (NEA)
    • Meios de luta disponíveis em Proteção Integrada - luta cultural, biológica, genética, biotécnica e química
    • Aplicação de produtos fitofarmacêuticos
      • - Boa Prática Agrícola na aplicação de produtos fitofarmacêuticos
      • - Equipamento de proteção individual (EPI)
      • - Máquinas de aplicação
  • Caderno de campo de Proteção Integrada
  • Princípios da Produção Integrada
  • Técnicas de Produção Integrada
    • Conservação do solo
    • Fertilidade do solo e nutrição das culturas
    • Selecção das culturas, variedades, densidade e intensificação cultural
    • Rotações e sucessões
    • Proteção Integrada
    • Manutenção do solo
    • Condução de pomares, vinhas e olivais
    • Regime hídrico – necessidades em água, qualidade da água, dinâmica da água no solo, métodos de rega
    • Colheita e armazenagem
    • Qualidade dos produtos
    • Caderno de campo de Produção Integrada - acompanhamento e registo das práticas culturais ao nível da parcela
    • Controlo e certificação dos produtos
Referenciais de Formação

2013-08-08   Alteração da designação para Proteção integrada e produção integrada.
Alteração da duração para 25.
Informação

Designação da UFCD:
Proteção integrada e produção integrada
Código:
6289
Carga Horária:
25
Pontos de crédito:
2,25
Objetivos

  • Identificar os objectivos e princípios da protecção integrada e do modo de produção integrado – componente vegetal e animal.
  • Identificar a legislação específica de enquadramento e regulamentação da protecção integrada e da produção integrada.
  • Identificar as normas de utilização sustentável de produtos fitofarmacêuticos.
  • Reconhecer as componentes da protecção integrada.
  • Reconhecer as técnicas de produção integrada.
  • Preencher o caderno de campo.
Bibliografia

Conteúdos

  • Protecção Integrada (PI) e Produção Integrada (PRODI)
    • Evolução da proteção das plantas
    • Definição, objectivos e princípios da PI
    • Definição, objectivos e princípios da PRODI – componente vegetal e animal
    • Prática da PI e PRODI em Portugal
  • Legislação específica
    • Enquadramento legal da PI e da PRODI
    • Caderno de Campo e outros registos em PRODI
    • Plano de exploração
    • Controlo e certificação
  • Aplicação de Produtos Fitofarmacêuticos (PF)
    • Enquadramento legal relativo aos produtos fitofarmacêuticos
    • Produtos fitofarmacêuticos – definição, classificação, toxicidade e ecotoxicidade, produtos autorizados em PI
    • Máquinas de aplicação – tipos, características e selecção
    • Equipamento de protecção individual
    • Técnicas de aplicação de PF
    • Cálculo da quantidade de produto a aplicar
    • Redução dos riscos para o consumidor, para o ambiente, para as espécies e os organismos não visados e para o aplicador, na aplicação, manuseamento e armazenamento de PF
  • Protecção Integrada
    • Estimativa de risco (ER)
    • Nível económico de ataque (NEA)
    • Tomada de decisão
    • Meios de luta disponíveis
      • - Luta cultural
      • - Luta biológica
      • - Luta genética
      • - Luta biotécnica
      • - Luta química (insecticidas, acaricídas, fungicidas, herbicidas e outros)
    • Fauna auxiliar
      • - Bioecologia dos grupos mais importantes
      • - Métodos de quantificação e de utilização de auxiliares
      • - Efeitos secundários dos produtos fitofarmacêuticos
      • - Medidas para fomento da biodiversidade
  • Registos no Caderno de Campo de PI
  • Técnicas de Produção Integrada
    • Plano de exploração – estratégia de produção
    • Conservação do solo – trabalho mecânico, processo de mobilização, épocas, drenagem
    • Conservação da fertilidade do solo – ciclo de nutrientes e nutrição das culturas
    • Conservação da água - dinâmica de água no solo, necessidades em água, métodos de rega, qualidade da água de rega
    • Colheita de amostras para análise – terra, plantas, água de rega, efluentes da pecuária, outros correctivos orgânicos e lamas de depuração
    • Estratégia de fertilização - fertilizantes e quantidades a aplicar, época e forma de aplicação
    • Rotações, sucessões, afolhamentos e selecção de culturas
    • Sementeira – época, selecção de variedades, preparação da semente, preparação da cama, densidade, profundidade e compasso
    • Protecção integrada
    • Colheita e armazenagem
    • Bem-estar animal
    • Maneio alimentar e dos animais
    • Profilaxia e saúde animal
    • Gestão de efluentes de origem animal
    • Qualidade dos produtos
    • Registos no Caderno de campo
Referenciais de Formação

(*) 2016-12-08   Alteração da designação para Modo de produção integrado.
Alteração da duração para 50.
Alteração dos Objetivos.
Alteração dos Conteúdos.